Exames Online ACESSAR
Facebook Instagram

Notícias

03/09/2018

Tomografia em crianças

Existe risco?

“Crianças não são somente menores que adultos. Seus corpos são diferentes e requerem uma abordagem diagnóstica distinta”, explica a cirurgiã pediatrica Dra. Katya Madeiro Dória, do Hospital Memorial Arthur Ramos.

Exames que não usam radiação, como a ressonância magnética, têm ganhado mais espaço nessa faixa etária, mas, em alguns casos, a tomografia é essencial. O consenso é de que a indicação do exame tem que ser precisa para evitar radiação desnecessária. Há formas de se certificar que a sua criança será exposta à menor quantidade de radiação possível durante o exame de imagem.

• Usar imagem apenas quando há um benefício médico claro.
• Usar a menor quantidade de radiação para uma imagem adequada, baseada no tamanho da criança.
• Estudar somente a área de interesse.
• Evitar múltiplos exames radiológicos.

“Crianças não são somente menores que adultos. Seus corpos são diferentes e requerem uma abordagem diagnóstica distinta”, explica a cirurgiã pediatrica Dra. Katya Madeiro Dória, do Hospital Memorial Arthur Ramos. “Caso haja dúvidas sobre o procedimento, primeiro deve ser esclarecido com o médico que solicitou o exame. Se você ainda tem dúvidas, converse também com o médico radiologista. Seu médico e o radiologista podem trabalhar juntos nas decisões de qual exame é o mais adequado” finaliza Dra. Katya.


Endereço:

Unidade Maceió - AL
Rua Hugo Corrêa Paes, 253

(dentro do Hospital Memorial Arthur Ramos)

Gruta de Lourdes - Maceió/AL

CEP: 57052-827

(82) 3194-3250 WhatsApp 9.9602-7449

Dra. Yelnya C. S. Dória

Diretora Técnica

CRM-AL 2209 / RQE 2835

Dra. Karla Myriam Nunes Uema

Diretora Técnica

CRM-AL 3672 RQE 1182